Portugal: Compras online aumentaram 50% em 5 anos

Todos os dias cerca de 75% dos portugueses está ligado à Internet e há, cada vez mais, confiança para comprar online, em lojas nacionais ou estrangeiras.

Ainda que de forma tímida, sendo que apenas 30% dos portugueses se aventura a fazer compras online, a verdade é que este número tem vindo a crescer de forma bastante consistente e só o ano passado foram gastos 3,8 mil milhões de euros na Internet.

Portugal: Compras online aumentaram 50% em 5 anos

Comprar uma viagem, reservar um hotel, comprar um smartphone ou uma camisola nova, são acções que, cada vez mais, se fazem online. Em 2015, 30% dos portugueses, fez deste tipo de compras online, o dobro do que se fazia em 2010.

Em média, cada consumidor online gastou 911€, cerca de 3,8 mil milhões de euros, um pouco menos abaixo da média europeia, que investiu em compras pela Internet 966€. Segundo a ACEPI, responsável por este estudo, em 2016 não deverão haver alterações significativas na percentagem de portugueses que compra online, mantendo-se na casa dos 30%, ao passo que a média europeia se deverá situar nos 56%.

Sendo esta um tendência de hábitos crescente, em 2025 estima-se que o valor gasto pelos portugueses na Internet triplique, para os 9,2 mil milhões de euros.

E onde compram os portugueses?

As preferências não se ficam apenas pelas lojas nacionais, onde é possível fazer uma boa comparação de preços através do serviço KuantoKusta. Muitos portugueses optam por comprar no estrangeiro e as lojas mais procuradas em 2015 foram:

  • eBay – 54%
  • Amazon – 38%
  • Booking – 35%
  • AliExpress – 28%

Um dado curioso é que 50% dos portugueses que compra online, já comprou em sites chineses.

E o compram?

A reserva de alojamento e compra de bilhetes de transportes, nomeadamente, de avião, são as áreas onde os portugueses mais gastam dinheiro online.

  • Reservas de alojamento – 46%
  • Bilhetes de transportes – 40%
  • Vestuário e acessórios- 39%
  • Bilhetes de espectáculos – 34%
  • Livros – 31%
  • Equipamentos móveis – 27%

 

Quais as aplicações onde mais dinheiro se gasta?

Mas os portugueses também gastam dinheiro com aplicações móveis. O Netflix, a Uber e o Airbnb são aquelas onde, em 2015, mais se investiu em Portugal.

Fonte: pplware

Comments are closed